Por que uma empresa alemã vai produzir geradores de hidrogênio verde no Brasil

A alemã Neuman & Esser assinou um protocolo de intenções com o estado brasileiro de Minas Gerais para investir até 45 milhões de reais (US$ 9 milhões) na produção de equipamentos de geração de hidrogênio verde.

Com sede em Belo Horizonte, a empresa produzirá geradores de hidrogênio verde por meio de eletrólise e reformadores de etanol e biometano, além de desenvolver outras tecnologias.

A BNamericas conversou com o diretor administrativo local da Neuman & Esser, Marcelo Veneroso, sobre o empreendimento.

BNamericas: Por que a empresa decidiu fazer esse investimento agora?

Veneroso: Nossa maior expertise é em tecnologia de compressão de hidrogênio para processos em refinarias, compressão de gás em automóveis, processos industriais, etc. mas não tínhamos em nossa linha a parte de geradores a gás.

Há cerca de cinco anos, adquirimos a Hytron, empresa que se originou nos laboratórios de [Universidade Estadual de Campinas]que possui o know-how para soluções de geração de hidrogênio.

Com isso [acquisition]teremos tecnologias para geração de hidrogênio via eletrólise ou reformadores de etanol ou biometano.

A Hytron manterá nossa divisão básica de fornecimento de engenharia e inovação, e a Neuman fará o detalhamento e construção dos equipamentos.

Temos outra empresa no grupo, a Arcanum, na Alemanha, especializada em biometano, e queremos trazê-la para o Brasil para atuar na área de energias renováveis, inclusive o hidrogênio.

BNamericas: Por que a tecnologia de compressão é crítica para a cadeia de hidrogênio?

Veneroso: Esse gás precisa ser comprimido para ser transportado, em uma ordem muito maior do que, por exemplo, o gás natural, como é o caso do GNV [compressed natural gas]. Além disso, seu manuseio é mais delicado, pois é um gás altamente inflamável e volátil.

Manuseamos, comprimimos, transportamos e integramos os sistemas de geração de hidrogênio.

READ  Os melhores 30 caderno escolar para você

BNamericas: Qual é o perfil do cliente para esses sistemas?

Veneroso: Aqui em Minas Gerais há siderúrgicas, mineradoras, cimenteiras e uma imensa malha rodoviária. E as empresas hoje estão cientes dos compromissos para reduzir as emissões de poluentes.

Na indústria siderúrgica, o hidrogênio [can be used]. Na mineração e na indústria de cimento, os combustíveis fósseis podem ser substituídos por esse gás.

Para os veículos, o hidrogênio é o combustível ideal fora das cidades, para viagens de média e longa distância, devido à sua maior autonomia que os carros a bateria.

BNamericas: Você fechou contratos para o equipamento fornecer?

Veneroso: Temos um pedido de uma petroleira para um eletrolisador que fará parte de um experimento para obtenção de combustíveis sintéticos, incluindo diesel e até querosene de aviação.

Enquanto isso, estamos desenvolvendo esses equipamentos para um gerador termoelétrico no Porto do Pecém, [Ceará state], que usa carvão e quer mitigar as emissões de carbono adicionando um pouco de hidrogênio à queima. Além disso, usaria o gás para resfriar as turbinas da usina.

Também temos alguns acordos com empresas que investirão em hidrogênio verde no Brasil, bem como com governos estaduais, como Minas Gerais e Ceará.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

PETROLINK.COM.BR PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Petro Link