PepsiCo Solar Térmica no Brasil aquece água e reduz emissões

(Crédito: PepsiCo)

A PepsiCo está implementando uma usina solar térmica em uma de suas instalações de lanches no Brasil para aquecer água para suas operações, o que reduzirá os custos de energia e as emissões.

Com essa tecnologia, a PepsiCo diz que reduzirá significativamente o consumo de gás natural no site de Sete Lagoas e reduzirá as emissões de gases de efeito estufa em cerca de 280 toneladas. A produção inicial do sistema mostra que a usina gerou quase 4 quilowatts-hora por dia de energia térmica durante o verão, produzindo água quente entre 140 graus Fahrenheit e 167 graus Fahrenheit, que a empresa diz ter atingido suas metas de energia.

A energia solar térmica é livre de carbono e uma alternativa mais barata à energia produzida por combustíveis. É estimado usando solar térmica pode salvar empresas 50% a 80% no aquecimento de água. Também pode ser usado para sistemas HVAC.

O projeto da PepsiCo é composto por painéis planos solares térmicos de alto vácuo, que funcionam automaticamente sem a necessidade de supervisão ou alta manutenção. A água aquecida é utilizada para diversos processos na fábrica, o que torna a produção mais eficiente.

Por exemplo, a empresa diz que a energia fornecida pela usina solar térmica pode ajudar a cozinhar o milho usado em sua produção de lanches e, com a água aquecida dessa maneira, a instalação usa menos tempo de chama para atingir a temperatura necessária para suas operações.

A usina faz parte de uma parceria entre a PepsiCo, que já esteve envolvida em outros projetos solares, e a TVP Solar, especializada em tecnologia solar térmica. A empresa suíça projeta, desenvolve e fabrica os coletores solares térmicos.

Bruno Guerreiro, gerente de sustentabilidade da PepsiCo Brasil, diz que a plataforma solar térmica é escalável e deve ser implementada em outras instalações da PepsiCo no Brasil nos próximos anos, com capacidades solares ainda maiores.

READ  Juventus e Milan Brasil estrelam a luta em janeiro -Juvefc.com

O projeto faz parte da meta da PepsiCo de reduzir as emissões de carbono em 40% até 2030 e ser zero líquido até 2040. A empresa também lançou a PepsiCo Positive, ou pep+, em 2021 como forma de agregar práticas sustentáveis ​​às suas. operações inteiras.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

PETROLINK.COM.BR PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Petro Link