Expansão global se expande com Great Wall Motor arando US$ 1,9 bilhão no Brasil

A Great Wall Motor investirá US$ 1,9 bilhão no Brasil na próxima década para produzir carros elétricos e híbridos, o mais recente exemplo da expansão da indústria automobilística chinesa no exterior.

O grupo com sede em Baoding disse que a antiga fábrica da Mercedes-Benz no interior do estado de São Paulo, que serve como polo de exportação na América Latina, abrirá suas maiores operações fora da China.

A iniciativa do Brasil, uma das maiores montadoras da China, segue acordos chineses com foco em mineração, processamento de produtos e ativos de produção na cadeia de fornecimento de veículos elétricos na América Latina. Algumas partes da região são ricas em lítio e cobre, os metais mais importantes para a produção de veículos elétricos.

Espera-se que o investimento na Grande Muralha impulsione o setor automobilístico do Brasil, que sofreu fechamentos e perdas de empregos à medida que a economia desacelera. A Ford faliu no ano passado após décadas de produção no Brasil.

Great Wall promete criar 2.000 empregos e é capaz de operar 100.000 veículos por ano.

A fase de investimentos, que é de aproximadamente R$ 4 bilhões (US$ 740 milhões) e vai até 2025, terá como foco a modificação e melhoria da linha de produção da fábrica de Iracemápolis, a 140 km da capital paulista. A segunda fase financiará R$ 6 bilhões (US$ 1,11 bilhão) até 2032.

A Great Wall também disse que lançaria uma linha de produtos no Brasil incluindo SUVs híbridos e elétricos e picapes, com os primeiros carros na fábrica sul-americana no próximo ano sendo importados antes de sair da linha de fábrica. A empresa espera gerar R$ 30 bilhões de receita anual até 2025.

“Esta é a primeira fábrica na América Latina dedicada exclusivamente a carros híbridos e elétricos”, disse Pedro Pentencourt, diretor de relações governamentais da Grande Muralha do Brasil.

READ  Um proeminente negador do Holocausto alemão está escapando da prisão se escondendo no Brasil

Tu Le, diretor administrativo da Sino Auto Insights, disse que a expansão internacional tem sido uma prioridade para as equipes automobilísticas chinesas, incluindo BYD e Geely, exceto a Grande Muralha.

A Geely, outra grande montadora chinesa, planeja entrar no mercado brasileiro este ano, disse um porta-voz ao Financial Times.

As empresas estão procurando mercados à medida que o crescimento da China, o maior mercado automotivo do mundo, diminui. Eles também estão trabalhando para fortalecer a recessão da cadeia de suprimentos após a guerra comercial com os Estados Unidos e as consequências da epidemia do vírus corona.

“Preços acessíveis [electric vehicles] Parece uma fórmula de sucesso se os governos locais estiverem motivados a investir em infraestrutura na América Latina”, disse Tu.

Ele acrescentou que o centro marítimo dos fabricantes chineses de veículos elétricos “reflete a confiança coletiva de que eles podem finalmente competir em pé de igualdade com todas as montadoras estrangeiras”.

Atualmente, existe um mercado relativamente pequeno para veículos elétricos no Brasil. A maioria dos carros vendidos no país tem motores “flex” que podem extrair tanto a gasolina produzida localmente quanto o etanol da cana.

O Pentágono disse que todas as ofertas feitas pela Great Wall no Brasil serão flexíveis, com a empresa com o objetivo de receber 60% de seu conteúdo de veículos de fornecedores locais até 2025.

Milad Kalume Neto, diretor de desenvolvimento de negócios da Jato Dynamics, observou que a Grande Muralha não previa a adoção em massa.

“Eles serão os principais veículos. Eles não pensam no volume”, disse.

Reportagem adicional de Carolina Ingiza e Neon Liu

Vídeo: Carros, Empresas, Países: Apostando na Eletricidade

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

PETROLINK.COM.BR PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Petro Link