Comitê do Senado brasileiro pede que CEO da Petrobras e ministros aumentem os preços dos combustíveis

O logotipo da estatal brasileira Petrobras Oil Company foi apresentado em 16 de outubro de 2019 em sua sede no Rio de Janeiro, Brasil. REUTERS / Sergio Moraes

Brasília, 16 de novembro – A Comissão do Senado Brasileiro, com o Ministro de Minas e Energia, o Ministro da Economia e o Diretor-Presidente da Petrobras, estatal brasileira de petróleo, reuniu-se com seus membros no dia 16 de novembro. Acordado na terça-feira.

Três autoridades foram convocadas a pedido do senador Fernando Pescara Coelho, chefe do governo do Senado. Goyalho está pressionando por mais debate antes da votação de um projeto de lei apresentado por um senador da oposição que criará um fundo para ajudar a diminuir o impacto do aumento dos preços dos combustíveis.

“Esta é uma questão muito importante e muito sutil”, disse Goyalho durante uma reunião da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

A Petróleo Brasileiro SA (PETR4.SA), conhecida empresa de petróleo administrada pelo governo brasileiro, tem como política vincular os preços domésticos dos combustíveis aos preços internacionais. A política atraiu críticas de políticos e do público nos últimos meses, com muitos acreditando que a Petrobras deveria ajudar a pagar pelo aumento dos preços dos combustíveis.

Os investidores têm prestado muita atenção ao debate em torno da Petropras. A empresa foi forçada a subsidiar os preços domésticos do diesel e da gasolina nos governos anteriores, causando enormes perdas.

Relatório de Maria Carolina Marcello; Gram Slater escreveu; Editando Grand McCauley

Nossos padrões: Princípios de confiança da Thomson Reuters.

READ  Os melhores 30 Cadeira Para Escritorio para você

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Petro Link