Brasil abre sala de situação para monitorar hepatite aguda – MercoPress

Brasil abre sala de situação para monitorar hepatite aguda

Terça-feira, 17 de maio de 2022 – 09:30 UTC


Cerca de 47 casos da doença foram relatados em todo o país

As autoridades de saúde brasileiras estabeleceram durante o fim de semana uma sala de monitoramento para acompanhar o desenvolvimento nacional da preocupante hepatite aguda de origem desconhecida em crianças, da qual o país já registrou 47 casos em estudo.

De acordo com o Ministério da Saúde do Brasil, a iniciativa busca apoiar a investigação de casos da doença notificados em todo o país, além de levantar evidências para identificar possíveis causas da doença.

Os três últimos casos foram relatados no Estado do Rio Grande do Sul, embora os locais exatos das detecções e o estado dos pacientes não tenham sido divulgados.

A sala de situação do Ministério Federal foi projetada para reunir todas as informações disponíveis e coordenar o trabalho entre todas as secretarias estaduais e municipais de saúde e os Laboratórios Centrais e de Referência de Saúde Pública.

“O objetivo é também contribuir para o esforço internacional de identificação do agente etiológico responsável pela ocorrência de hepatite aguda de causa desconhecida”, o Ministério + ajuda em comunicado.

Técnicos do MS, da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e especialistas convidados participarão do monitoramento.

Outros casos foram relatados nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná, Pernambuco, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul e Espírito Santo.

No início deste mês, especialistas do Ministério da Saúde participaram de uma reunião com especialistas da Organização Mundial da Saúde (OMS) e representantes do Reino Unido, Espanha, Estados Unidos, Canadá, França, Portugal, Colômbia e Argentina para discutir questões técnicas sobre emergências , infectologia, pediatria e epidemiologia.

READ  Os melhores 30 Comunicação Não Violenta para você

A hepatite de origem desconhecida afetou crianças em pelo menos 20 países. A doença se manifesta de forma muito grave e não está diretamente relacionada aos vírus conhecidos da doença. Em cerca de 10 por cento dos casos, os transplantes de fígado foram necessários.

Segundo a OMS, mais de 200 casos foram relatados em todo o mundo, principalmente no Reino Unido. Também houve relatos na Espanha, Israel, Estados Unidos, Dinamarca, Irlanda, Holanda, Itália, Noruega, França, Romênia, Bélgica e Argentina. A doença afeta principalmente crianças de um mês a 16 anos.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

PETROLINK.COM.BR PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Petro Link